Marcelo Solá, que abre exposição neste sábado, no MAC Goiás | Imagem: Edgard Soares

Marcelo Solá, que abre exposição neste sábado, no MAC Goiás | Imagem: Edgard Soares

Solá inédito no MAC

Museu de Arte Contemporânea de Goiás abre ao público, a partir deste sábado, mostra individual do artista, depois de 15 anos sem expor na cidade 

Após um hiato de 15 anos sem expor em Goiânia, o artista Marcelo Solá  desembarca nesta sexta-feira, 29, - com abertura somente para convidados- no Museu de Arte Contemporânea de Goiás do Centro Cultural Oscar Niemeyer, para uma mostra individual que deverá redimi-lo com a cidade onde nasceu, vive e trabalha. A última individual do artista na capital foi em 1999, também no MAC Goiás, ainda no seu antigo endereço, no Edifício Parthenon Center.

A convite da curadoria do MAC, Solá brindará o público com exposição de 46 obras inéditas, a partir deste sábado, 30, até 30 de novembro, com possibilidade de ser prorrogada até dezembro.

O conjunto de desenhos, serigrafias e impressões gráficas em papeis foi desenvolvido e produzido especificamente para a mostra. Também é inédito o módulo Paraíso Invertido, que o artista idealizou para o espaço, estimulando o expectador a entrar no universo de leitura e releitura dos objetos e suas funções. Nesta sala está concentrada a obra produzida por Chanterclayson, o universo paralelo do heterônimo do artista.

"Ao discutirmos a pauta das exposições para este ano, vimos que era imprescindível uma individual do artista", contou ao site The Book, Gilmar Camilo, curador do museu. Para uma mostra inspirada nas emoções de uma grande estreia, a montagem também ganhou contornos especiais, de forma que atendesse às expectativas de Solá que desejava que o conjunto das obras dialogasse com a arquitetura do museu. "A estrutura é bastante simples, porém, dá oportunidade da mostra ser vista de cima do mezanino", explica Camilo.

A partir de 10 de outubro, o gaúcho Daniel Acosta, cuja obra dialoga com a do artista goiano, também aporta no MAC. Juntos, os dois devem participar de bate-papo no Café de Ideias, com data ainda a ser definida.

No ano passado, pouco antes da exposição no Krannert Art Museum, em Champaign, Estados Unidos, onde apresentou seis trabalhos na coletiva Blind Field (Campo Cego), Marcelo Solá nos concedeu uma longa entrevista, que foi capa da edição de estreia da revista The Book (leia a entrevista completa aqui).

SERVIÇO
Mostra Individual do artista Marcelo Solá
Abertura: 29 de agosto de 2014, às 20 horas (somente para convidados)
Data: 30 de agosto a 30 de novembro de 2014
Horário: de terça a domingo, das 10hs às 16hs
Local: Museu de Arte Contemporânea de Goiás, Centro Cultural Oscar Niemeyer
Endereço: Av. Deputado Jamel Cecílio, 4490, St. Fazenda Gameleira, Goiânia – Goiás
Agendamento para visitas guiadas pelos telefones: (62) 3201-4918 e 3201-4933

Seja o primeiro a comentar

* Campos Obrigatórios. **Seu email não será divulgado