Apresentação de taikô, o milenar tambor japonês de batida forte e pausada está na programação | Imagens: Divulgação

Apresentação de taikô, o milenar tambor japonês de batida forte e pausada está na programação | Imagens: Divulgação


Festa japonesa começa nesta sexta-feira

O Bon Odori, maior celebração da colônia nipo-brasileira em Goiânia, aberta ao público, terá atrações de dança, música, arte e culinária

Apreciadores da culinária e da cultura japonesas já podem tirar o quimono do closet e preparar os hashis. Nos próximos dias 22 e 23 de agosto, a maior e mais esperada cerimônia do calendário nipônico local, o Bon Odori, espera receber 8 mil pessoas no Clube Kaikan, em Goiânia, para a 12ª Edição do Festival de Dança, Música e Culinária Japonesa.       

Uma das mais belas festividades da milenar cultura japonesa, que ocorre anualmente durante o verão (entre julho e agosto, no Japão), sempre após o pôr do sol – há a crença de que os espíritos somente saem durante a noite –, o Bon Odori é um festival de tradição budista que tem as suas origens na China. Na data, celebram-se as almas dos antepassados com danças em grupo e levando-se lanternas acesas saudosamente lembrando da sabedoria dos antepassados.

Fora das fronteiras japonesas, o Bon é celebrado em comunidades de imigrantes e seus descendentes e amigos, além de ser ocasião para estreitar os laços de amizade entre o país que os acolheu e o Japão. E nada melhor que comida farta na mesa para celebrar esta união.

Em Goiás, a celebração remonta à chegada dos imigrantes na década de 40, mas somente há 12 anos a festa passou a ser aberta ao público. Para quem gosta da culinária japonesa, esta é uma rara oportunidade de esfalfar-se de sushi, sashimi, yakisoba, tempurá, udon, guioza, temaki e  shimeji por um preço bem amigo.

O festival é organizado pela Associação Nipo-Brasileira de Goiás que incluiu na programação deste ano a participação especial do cantor nipo-brasileiro Nobuhiro Hirata, uma espécie de Roberto Carlos para a comunidade japonesa, nascido em Presidente Prudente (SP) e famoso por interpretar canções nos estilos enka (uma mistura de sons tradicionais japoneses com melodias ocidentais, principalmente de influência americana), new enka, pop e infantil. Também é o intérprete da versão em português da música Ayumi Tsuzuketa 100 nen, ou Pra Voltar a Ser Feliz, que faz homenagem ao centenário da imigração japonesa.

Outra atração, que agrada especialmente aos mais jovens, será a do grupo Matsuri Dance, que apresenta um estilo pop de dança e música japonesas que mistura movimentos tradicioanis e modernos. 

Mas para quem acha que só assistir de camarote é pouco e que o mais importante é participar, o festival oferece a chance aos convidados de vivenciar a sua cultura participando das danças tradicionais vestidos a caráter.

Haverá ainda exposições de artes, como a do shodô, importante manifestação artística com o uso da caligrafia; além de ikebana, bonsai, quimonos, origami, cerâmicas, anime e mangá. As famosas cerimônias do chá e as apresentações de taikô, o milenar tambor japonês de batida forte e pausada, também estão na lista de atrações do festival.

SERVIÇO
Bon Odori 2014 - 12ª Edição do Festival de Dança, Música e Culinária Japonesa
Data: 22 e 23 de agosto (sexta-feira e sábado)
Horário: a partir das 19h30
Local: Clube Kaikan – Av. Planície S/Nº, Conjunto Itatiaia (ao lado do Clube dos Bancários, próximo ao Campus Samambaia da UFG).
Ingressos: R$30,00 – Vale uma porção de yakisoba
Crianças de 7 a 10 anos: R$ 20,00 (ingressos à venda na portaria)
Crianças de 0 ate 6 anos: isento.
Estacionamento terceirizado: R$15,00
Pontos de venda: Lojas Fujioka
Informações: (62) 3205-3947, (62) 3205-2727

Seja o primeiro a comentar

* Campos Obrigatórios. **Seu email não será divulgado